Clube de debates: quais competências e habilidades são desenvolvidas?

Conteúdo

Sabe qual é a importância de participar do Clube de Debates? Nesta atividade, são desenvolvidas habilidades e competências relacionadas ao protagonismo, à liderança e à clara expressão de ideias e opiniões; habilidades essas importantíssimas para o exercício da cidadania e para uma eficiente performance no competitivo mercado de trabalho da atualidade. Quer saber quais são essas habilidades e competências, continue lendo esse texto. Competências e habilidades desenvolvidas no Clube de Debates A capacidade de debater é uma arte, que pode e deve ser treinada e aprendida, porque será necessária em inúmeros momentos futuros da vida de uma pessoa. Assim, o Colégio estimula os estudantes a melhorarem a oralidade e trabalharem o medo da exposição com projetos pedagógicos como o Clube de Debate. Ao participar dessa atividade, os estudantes são desenvolvidos para falar com confiança e fluentemente quando estão em público. No Clube de Debate, um tema é escolhido e os estudantes são separados em grupos para que cada um defenda o seu ponto de vista. Há também outros que são treinados para fazer a mediação. Essa é uma atividade que vai ajudar no desenvolvimento de habilidades e competências que serão essenciais para a defesa de um ideia ou argumento. Com o Clube de Debates também pode ser observada qualquer carência na comunicação. Esse projeto pedagógico também está de acordo com o desenvolvimento de habilidades do século 21, proposto na Agenda 2030 da ONU. Muitas dessas competências e habilidades são complementares e permitem a lapidação dos estudantes na arte de participar de debates, que vai representar uma força útil na vida adulta. Conheça as capacidades que o Clube de Debates desenvolve: Pensamento crítico Pensamento crítico é a capacidade de analisar fatos, argumentos e experiências de modo a desenvolver uma opinião própria. Com o Clube de Debates, os estudantes conseguem entrar em contato com comentários e opiniões dos outros colegas, que podem ser formados a partir da cultura e realidades diferentes. Durante a atividade, os estudantes são treinados a pensar de forma reflexiva, com base em informações sólidas. Assim, o pensamento crítico é construído a partir da análise e pensamento lógico do que foi exposto. Autoconfiança Quando falam com base em informações corretas sobre os temas propostos, os estudantes se sentem seguros de si mesmos. Isso vai gerar autoconfiança, que nada mais é do que a capacidade de confiar em si mesmo, saber que é capaz de realizar algo. Ter autoconfiança vem antes de ter confiança nos outros e é uma das habilidades que são essenciais para que as pessoas se sobressaiam em qualquer área, seja na acadêmica ou profissional. Confiar em si mesmo gera autoestima e pessoas com essa habilidade tendem a ser melhor sucedidas em seus projetos. Capacidade de argumentação e refutação (comunicação) O termo argumento refere-se à essência das teorias, justificativas, dados e conhecimento básico (Sibel Erduran - 2006). Assim, a argumentação se refere ao processo de associar esses elementos, o que vai desempenhar um papel importante na construção das teorias argumentativas. Essa habilidade consiste na capacidade de se posicionar de acordo com a sua forma de pensar, segundo esses elementos combinados. Já a refutação prevê encontrar inconsistências no argumento do oponente. Para desenvolver essa capacidade é preciso utilizar as mesmas ferramentas da argumentação, que são a lógica e o pensamento crítico. Solução de problemas complexos Essa é a tal habilidade de pensar fora da caixa, porque, muitas vezes, as soluções propostas não resolvem um problema específico e é preciso pensar além. Segundo o Global Talent Trends, pesquisa realizada pelo Linkedin, foi a habilidade mais valorizada em 2021 pelo mercado de trabalho. Essa capacidade envolve também o uso de processos definidos para se chegar à resolução de problemas que estão fora do contexto tradicional. Criatividade No Clube de Debates, para unir a capacidade de pensar fora da caixa e argumentar de forma eficaz, a criatividade também entra em cena. O debate e a troca de informações amplia a visão de mundo e, assim, novas ideias podem ser formadas, porque prevê a observação e entendimento de um desafio e a consideração sobre uma solução. É um exercício constante da mente, o que leva a abordagens mais criativas. Essa é uma habilidade essencial para qualquer atividade profissional e também em vários âmbitos da vida. Como desenvolver a criatividade em crianças e adolescentes Inteligência emocional A inteligência emocional também está listada como uma das habilidades mais buscadas no mercado de trabalho na atualidade. Pode ser definida como o resultado entre o equilíbrio da razão e da emoção. Para debater, é muito importante essa habilidade para não perder a medida nos argumentos e na postura. Por si só, a inteligência prevê o desenvolvimento da empatia, autoconhecimento, controle emocional, automotivação e habilidades de relacionamento, que também são essenciais em um debate. Assim, o Clube de Debates é uma forma de trabalhar a inteligência emocional na escola, para exercitar o controle dos aspectos emocionais envolvidos em todas as situações. Leia mais: Inteligência emocional nas escolas Organização e respeito Um debate é realizado a partir da organização de regras, para permitir a exposição de ideias de forma equilibrada. No Clube de Debates, os estudantes são orientados para terem respeito com a opinião da parte oposta, além de seguir regras de organização da atividade, como ouvir e falar na hora certa. Leia mais: Dicas para exercitar a memória Conclusão Com o Clube de Debates, dedicamos um tempo construindo a confiança dos estudantes para que eles possam fazer amigos, formar relacionamentos significativos, ser gentis uns com os outros e encontrar suas próprias vozes. A atividade faz parte do desenvolvimento socioemocional, que é um dos pilares da metodologia pedagógica do Planck e diretriz da BNCC.

Sabe qual é a importância de participar do Clube de Debates? Nesta atividade, são desenvolvidas habilidades e competências relacionadas ao protagonismo, à liderança e à clara expressão de ideias e opiniões; habilidades essas importantíssimas para o exercício da cidadania e para uma eficiente performance no competitivo mercado de trabalho da atualidade.

Quer saber quais são essas habilidades e competências, continue lendo esse texto.

Competências e habilidades desenvolvidas no Clube de Debates

A capacidade de debater é uma arte, que pode e deve ser treinada e aprendida, porque será necessária em inúmeros momentos futuros da vida de uma pessoa.

Assim, o Colégio estimula os estudantes a melhorarem a oralidade e trabalharem o medo da exposição com projetos pedagógicos como o Clube de Debate.

Ao participar dessa atividade, os estudantes são desenvolvidos para falar com confiança e fluentemente quando estão em público.

No Clube de Debate, um tema é escolhido e os estudantes são separados em grupos para que cada um defenda o seu ponto de vista. Há também outros que são treinados para fazer a mediação.

Essa é uma atividade que vai ajudar no desenvolvimento de habilidades e competências que serão essenciais para a defesa de um ideia ou argumento. Com o Clube de Debates também pode ser observada qualquer carência na comunicação.

Esse projeto pedagógico também está de acordo com o desenvolvimento de habilidades do século 21, proposto na Agenda 2030 da ONU. 

Muitas dessas competências e habilidades são complementares e permitem a lapidação dos estudantes na arte de participar de debates, que vai representar uma força útil na vida adulta.

Sabe qual é a importância de participar do Clube de Debates? Nesta atividade, são desenvolvidas habilidades e competências relacionadas ao protagonismo, à liderança e à clara expressão de ideias e opiniões; habilidades essas importantíssimas para o exercício da cidadania e para uma eficiente performance no competitivo mercado de trabalho da atualidade. Quer saber quais são essas habilidades e competências, continue lendo esse texto. Competências e habilidades desenvolvidas no Clube de Debates A capacidade de debater é uma arte, que pode e deve ser treinada e aprendida, porque será necessária em inúmeros momentos futuros da vida de uma pessoa. Assim, o Colégio estimula os estudantes a melhorarem a oralidade e trabalharem o medo da exposição com projetos pedagógicos como o Clube de Debate. Ao participar dessa atividade, os estudantes são desenvolvidos para falar com confiança e fluentemente quando estão em público. No Clube de Debate, um tema é escolhido e os estudantes são separados em grupos para que cada um defenda o seu ponto de vista. Há também outros que são treinados para fazer a mediação. Essa é uma atividade que vai ajudar no desenvolvimento de habilidades e competências que serão essenciais para a defesa de um ideia ou argumento. Com o Clube de Debates também pode ser observada qualquer carência na comunicação. Esse projeto pedagógico também está de acordo com o desenvolvimento de habilidades do século 21, proposto na Agenda 2030 da ONU. Muitas dessas competências e habilidades são complementares e permitem a lapidação dos estudantes na arte de participar de debates, que vai representar uma força útil na vida adulta. Conheça as capacidades que o Clube de Debates desenvolve: Pensamento crítico Pensamento crítico é a capacidade de analisar fatos, argumentos e experiências de modo a desenvolver uma opinião própria. Com o Clube de Debates, os estudantes conseguem entrar em contato com comentários e opiniões dos outros colegas, que podem ser formados a partir da cultura e realidades diferentes. Durante a atividade, os estudantes são treinados a pensar de forma reflexiva, com base em informações sólidas. Assim, o pensamento crítico é construído a partir da análise e pensamento lógico do que foi exposto. Autoconfiança Quando falam com base em informações corretas sobre os temas propostos, os estudantes se sentem seguros de si mesmos. Isso vai gerar autoconfiança, que nada mais é do que a capacidade de confiar em si mesmo, saber que é capaz de realizar algo. Ter autoconfiança vem antes de ter confiança nos outros e é uma das habilidades que são essenciais para que as pessoas se sobressaiam em qualquer área, seja na acadêmica ou profissional. Confiar em si mesmo gera autoestima e pessoas com essa habilidade tendem a ser melhor sucedidas em seus projetos. Capacidade de argumentação e refutação (comunicação) O termo argumento refere-se à essência das teorias, justificativas, dados e conhecimento básico (Sibel Erduran - 2006). Assim, a argumentação se refere ao processo de associar esses elementos, o que vai desempenhar um papel importante na construção das teorias argumentativas. Essa habilidade consiste na capacidade de se posicionar de acordo com a sua forma de pensar, segundo esses elementos combinados. Já a refutação prevê encontrar inconsistências no argumento do oponente. Para desenvolver essa capacidade é preciso utilizar as mesmas ferramentas da argumentação, que são a lógica e o pensamento crítico. Solução de problemas complexos Essa é a tal habilidade de pensar fora da caixa, porque, muitas vezes, as soluções propostas não resolvem um problema específico e é preciso pensar além. Segundo o Global Talent Trends, pesquisa realizada pelo Linkedin, foi a habilidade mais valorizada em 2021 pelo mercado de trabalho. Essa capacidade envolve também o uso de processos definidos para se chegar à resolução de problemas que estão fora do contexto tradicional. Criatividade No Clube de Debates, para unir a capacidade de pensar fora da caixa e argumentar de forma eficaz, a criatividade também entra em cena. O debate e a troca de informações amplia a visão de mundo e, assim, novas ideias podem ser formadas, porque prevê a observação e entendimento de um desafio e a consideração sobre uma solução. É um exercício constante da mente, o que leva a abordagens mais criativas. Essa é uma habilidade essencial para qualquer atividade profissional e também em vários âmbitos da vida. Como desenvolver a criatividade em crianças e adolescentes Inteligência emocional A inteligência emocional também está listada como uma das habilidades mais buscadas no mercado de trabalho na atualidade. Pode ser definida como o resultado entre o equilíbrio da razão e da emoção. Para debater, é muito importante essa habilidade para não perder a medida nos argumentos e na postura. Por si só, a inteligência prevê o desenvolvimento da empatia, autoconhecimento, controle emocional, automotivação e habilidades de relacionamento, que também são essenciais em um debate. Assim, o Clube de Debates é uma forma de trabalhar a inteligência emocional na escola, para exercitar o controle dos aspectos emocionais envolvidos em todas as situações. Leia mais: Inteligência emocional nas escolas Organização e respeito Um debate é realizado a partir da organização de regras, para permitir a exposição de ideias de forma equilibrada. No Clube de Debates, os estudantes são orientados para terem respeito com a opinião da parte oposta, além de seguir regras de organização da atividade, como ouvir e falar na hora certa. Leia mais: Dicas para exercitar a memória Conclusão Com o Clube de Debates, dedicamos um tempo construindo a confiança dos estudantes para que eles possam fazer amigos, formar relacionamentos significativos, ser gentis uns com os outros e encontrar suas próprias vozes. A atividade faz parte do desenvolvimento socioemocional, que é um dos pilares da metodologia pedagógica do Planck e diretriz da BNCC.

Conheça as capacidades que o Clube de Debates desenvolve:

Pensamento crítico

Pensamento crítico é a capacidade de analisar fatos, argumentos e experiências de modo a desenvolver uma opinião própria.

Com o Clube de Debates, os estudantes conseguem entrar em contato com comentários e opiniões dos outros colegas, que podem ser formados a partir da cultura e realidades diferentes. 

Durante a atividade, os estudantes são treinados a pensar de forma reflexiva, com base em informações sólidas. 

Assim, o pensamento crítico é construído a partir da análise e pensamento lógico do que foi exposto.

Autoconfiança

Quando falam com base em informações corretas sobre os temas propostos, os estudantes se sentem seguros de si mesmos. Isso vai gerar autoconfiança, que nada mais é do que a capacidade de confiar em si mesmo, saber que é capaz de realizar algo.

Ter autoconfiança vem antes de ter confiança nos outros e é uma das habilidades que são essenciais para que as pessoas se sobressaiam em qualquer área, seja na acadêmica ou profissional.

Confiar em si mesmo gera autoestima e pessoas com essa habilidade tendem a ser melhor sucedidas em seus projetos.

infografico aprendizagem socioemocional

Capacidade de argumentação e refutação (comunicação)

O termo argumento refere-se à essência das teorias, justificativas, dados e conhecimento básico (Sibel Erduran – 2006). Assim, a argumentação se refere ao processo de associar esses elementos, o que vai desempenhar um papel importante na construção das teorias argumentativas.

Essa habilidade consiste na capacidade de se posicionar de acordo com a sua forma de pensar, segundo esses elementos combinados.

Já a refutação prevê encontrar inconsistências no argumento do oponente. Para desenvolver essa capacidade é preciso utilizar as mesmas ferramentas da argumentação, que são a lógica e o pensamento crítico.

Solução de problemas complexos

Essa é a tal habilidade de pensar fora da caixa, porque, muitas vezes, as soluções propostas não resolvem um problema específico e é preciso pensar além.

Segundo o Global Talent Trends, pesquisa realizada pelo Linkedin, foi a habilidade mais valorizada em 2021 pelo mercado de trabalho.

Essa capacidade envolve também o uso de processos definidos para se chegar à resolução de problemas que estão fora do contexto tradicional.

Criatividade

No Clube de Debates, para unir a capacidade de pensar fora da caixa e argumentar de forma eficaz, a criatividade também entra em cena.

O debate e a troca de informações amplia a visão de mundo e, assim, novas ideias podem ser formadas, porque prevê a observação e entendimento de um desafio e a consideração sobre uma solução. 

É um exercício constante da mente, o que leva a abordagens mais criativas.

Essa é uma habilidade essencial para qualquer atividade profissional e também em vários âmbitos da vida.

Inteligência emocional

A inteligência emocional também está listada como uma das habilidades mais buscadas no mercado de trabalho na atualidade. Pode ser definida como o  resultado entre o equilíbrio da razão e da emoção. 

Para debater, é muito importante essa habilidade para não perder a medida nos argumentos e na postura.

Por si só, a inteligência prevê o desenvolvimento da empatia, autoconhecimento, controle emocional, automotivação e habilidades de relacionamento, que também são essenciais em um debate.

Assim, o Clube de Debates é uma forma de trabalhar a inteligência emocional na escola, para exercitar o controle dos aspectos emocionais envolvidos em todas as situações.

Leia mais:

Organização e respeito 

Um debate é realizado a partir da organização de regras, para permitir a exposição de ideias de forma equilibrada.

No Clube de Debates, os estudantes são orientados para terem respeito com a opinião da parte oposta, além de seguir regras de organização da atividade, como ouvir e falar na hora certa.

Leia mais:

Conclusão

Com o Clube de Debates, dedicamos um tempo construindo a confiança dos estudantes para que eles possam fazer amigos, formar relacionamentos significativos, ser gentis uns com os outros e encontrar suas próprias vozes.

A atividade faz parte do desenvolvimento socioemocional, que é um dos pilares da metodologia pedagógica do Planck e diretriz da BNCC.

Clique e agende uma visita. Matrículas Planck 2024.https://materiais.colegioplanck.com.br/matriculas-abertas-planck

 

Compartilhe:

Compartilhe:

Leia também:

O Ensino Fundamental 2 é um período de aprendizagem importante para as crianças e pré-adolescentes, pois marca sua passagem para um mundo com mais responsabilidades e deveres, que caminha junto a mudanças físicas e neurológicas. No ambiente escolar, os estudantes deparam-se com novos desafios, mas também com novas oportunidades e paixões. É neste momento que suas vozes despertam e começam a descobrir-se como pessoas.

Ensino fundamental 2: o que esperar?

O Ensino Fundamental 2 é um período de aprendizagem importante para as crianças e pré-adolescentes, pois marca sua passagem para um mundo com mais responsabilidades

Translate »